blog

Bolo de banana com chocolate e cookies

Sabe quando bate aquela vontade de comer um doce e a gente não sabe de que doce que é?
Melhor seria juntar tudo em um doce só!

Já pensou em misturar: bolo + chocolate + cookies?
Se só de pensar te deu água na boca, veja essa receitinha bem simples e bem gostosa que separamos pra vocês:

 

Ingredientes

4 ovos
1/2 xícara de leite
1 xícara de açúcar mascavo, demerara ou cristal
4 colheres de sopa de manteiga ou óleo de coco
3 xícaras de farinha de trigo ou 2 xícaras de farinha de trigo e 1 xícara de aveia
canela à gosto
3 bananas nanicas picadinhas
1 colher de sopa de fermento em pó
1/2 pacotinho de cookies da sua escolha
1/2 barra de chocolate

 

 

Modo de preparo

1. Bata em um liquidificador os ovos, o açúcar e o leite. Só depois que se misturarem bem, adicione a manteiga.

2. Em uma tigela, despeje essa mistura e acrescente a farinha (e a aveia), a canela. Misture bem.

3. Por último, adicione o fermento e mexa suavemente.

4. Para finalizar, unte uma forma média e despeje a massa. Pique os cookies e o chocolate (no tamanho que preferir). Coloque por cima e leve para assar em forno a +/- 180 graus por aproximadamente 40 minutos.

5. Quer conferir se o bolo está pronto?
Lembre do teste do garfo ou do palito: após os primeiros 30 minutos de forno, abra com cuidado e espete a massa. Se sair limpinho, está assado. Senão, deixe por mais uns minutinhos e repita o teste.

 

Receitinha inspirada nas dicas da nutri  Fernanda Scheer (:

Omelete com cogumelos

Fácil, simples e super gostoso !
Acompanhado de uma saladinha, ou alguns legumes…
é uma ótima pedida  😉

Ingredientesingredientes_receitaomelete_insta

Ovos
Cogumelos
Shoyo
Manteiga
Salsinha
Cebola picadinha
Azeite
Sal

Você vai precisar de

1 tigelinha e um grafo para bater os ovos
1 frigideira para preparar a omelete
1 panela / frigideira para preparar o cogumelo

Modo de preparo

1. Na tigelinha, bata os ovos com o garfo e reserve.

2. Em uma frigideira, coloque um pouquinho de manteiga. Assim que derreter, coloque os cogumelos picadinhos. Misture bem e acrescente um pouco de shoyo. Deixe ele ali até cozinhar (se é sua primeira vez cozinhando cogumelos, pegue um garfo e prove – quando estiver macio, está pronto!). Reserve.

3. Na outra frigideira, refogue a cebola picadinha com azeite. Despeje os ovos batidos e em seguida os cogumelos (sem o caldinho do shoyo). Quando estiver firme, vire para dourar o outro lado. E pronto!

 

 

Bolo de coco

 img_1215
Ingredientes

3 ovos orgânicos

1 xícara de açúcar demerara

½ xícara de óleo de coco ou óleo de soja orgânico

2 xícaras de chá de farinha de coco orgânica

1 col. de chá de fermento em pó

3 xícaras de leite de vaca ou de leite vegetal ou água

1/2  xícara de farinha de trigo integral

1

Modo de preparo

Prepare a massa batendo os ovos e o açúcar no liquidificador. Acrescente aos poucos o leite, o óleo, a farinha de coco e a farinha de trigo e bata bem. Por último, derrame a massa em uma tigela e adicione o fermento em pó  misturando suavemente com uma colher. Despeje em uma forma untada com óleo e um pouquinho só de farinha para não grudar.
Leve ao forno pré-aquecido a 200º por 40 minutos +/- .

Desenforme após esfriar e bom apetite : )

 1

1

 

Molhinhos para salada


É verão, 
tempo de calorão!

Que tal um molhinho bem fácil pra incrementar a sua salada?
Veja algumas sugestões que a gente separou pra você caprichar aí em casa !


E sabe qual é o melhor de tudo?
Dá pra escolher os ingredientes todos, aqui no nosso site 😉

1.  Molho mel e limão
Além de variar o sabor, este aqui é uma ótima dica para ajudar a prevenir resfriados e gripes que pegam muita gente nessa estação do ano.

ingredientes

1 colher de sopa de vinagre de maçã
3 colheres de sopa de azeite
½ colher de chá de mel
sal e gotinhas de limão  a gosto

modo de preparo

Coloque tudo em um potinho de vidro* com tampa, chacoalhe bem até ficar uma mistura homogênea e cremosa. E está pronto! Pra  quem quiser, dá pra c
onservar na geladeira por até 1 semana.

(*) Dica: aproveite para reutilizar um recipiente que já tenha em casa como aquele pote de geleia ou de palmito com tampa ou uma garrafinha de suco de uva. É só higienizar bem antes de usar. Assim, além de preparar o molho ali mesmo, você ainda pode aproveitá-lo para continuar guardando o que sobrar na geladeira. Fica ainda mais fácil e mais prático !

2. Molho pra salada da dona Eliana

Dona Eliana é cozinheira daquelas de mão cheia, e trabalha com muito capricho aqui na cozinha do sítio.
Essa receitinha é daquelas que agrada à todos!

ingredientes

1 cebola orgânica grande 
2 dentes de alho orgânico
cheiro verde orgânico picadinho (salsinha e cebolinha)
¼ de xícara de vinagre de maçã orgânico
½ xícara de água filtrada
1 pitada de açúcar
¼ de xícara de chá de azeite orgânico
sal a gosto
pimenta do reino e shoyu orgânico  – opcional

modo de preparo

Bata tudo no liquidificador.
Antes de servir, prove. Se estiver muito forte o sabor, acrescente mais um pouquinho de água.


3. Molho para salada com cebolas fatiadas

ingredientes

3 colheres de sopa de azeite orgânico
1 colher de sopa de salsinha orgânica picada
uma porção de cebola orgânica  em rodelas ao gosto
1 colher de sopa suco de limão orgânico espremido 
sal a gosto
pimenta do reino (opcional)

modo de preparo

Coloque tudo em um potinho de vidro com tampa, chacoalhe bem até ficar uma mistura homogênea e cremosa. Ou coloque em um recipiente e misture bem com um garfo e pronto!
Conserve na geladeira por até 1 semana, se quiser.

4. Molho agridoce com shoyu

ingredientes

½ colher de sopa de açúcar mascavo orgânico
2 colheres de sopa de shoyu orgânico
1 ½ colher de sopa de vinagre de maçã orgânico
5 colheres de sopa de óleo de soja orgânico ou azeite

modo de preparo

Num pote de vidro com tampa, coloque todos os ingredientes.
Tampe e chacoalhe bem para misturar. E está prontinho para servir!

Variações:


Para variar os sabores, uma dica bem legal que aprendemos com a Rita Lobo, do blog Panelinha é:

Varie nos ingredientes, crie a vontade mas, mantenha a seguinte proporção:
– 1 parte de ácido  (vinho branco, tinto, caldo de limão, laranja ou vinagre de maçã)
– 3 partes de gordura (óleo, azeite)
– sal e pimenta-do-reino a gosto
Sempre dá certo!

Dica: quando falamos em “partes” estamos dizendo sobre as medidas. Então, por exemplo: se você estiver usando colher de sopa, 1 parte = 1 colher de sopa.

Se quiser fazer em maiores quantidades, basta manter a proporção e usar “partes = medidas”  maiores, como por exemplo:
⅓ de xícara de vinagre para 1 xícara de azeite e os demais temperinhos a gosto. Assim, para você que tem uma família um pouco maior em casa, dá para preparar o molho para a semana toda!

Seguindo essa regrinha, você ainda pode variar e ir acrescentando outros ingredientes como: alho picadinho, mostarda, mel, shoyu… o que preferir!

 

O importante é sempre lembrar da base:
para cada 1 medida de ácido , 3 medidas de gordura!


Simples, e bem facinho.

Gostou?

Compartilhe suas aventuras na cozinha com a gente, marcando o sitio em suas fotografias nas redes sociais.
É só usar a #aboaterra e marcar a gente com @aboaterra.


Afinal de contas, a cozinha fica ainda mais gostosa quando é compartilhada 

Tapioca

É verão!

Verão combina com frutas,
Que combina com tapioca,
Que combina com sugestões bem gostosas pra fazer no café da manhã
ou naquele lanchinho da tarde.

 

Tapioca Orgânica Mãe Terra em parceria com Bela Gil !

Quer umas ideias pra montar a sua?
Dá uma espiadinha aqui e veja as combinações que a gente separou pra você 😉

Separamos em:

TAPIOCAS SALGADAS &
TAPIOCAS DOCES…


…super fácil, pra você escolher!


TAPIOCAS SALGADAS

1. Queijo + tomatinhos + manjericão ou rúcula + fio de azeite

2. Tofu mexido + cúrcuma (ou açafrão da terra) + fio de azeite + sal

3. Tofu mexido + temperinhos da sua escolha + fio de azeite + sal

4. Ovos mexidos + chia + fiozinho de óleo de coco + sal
*a dica aqui é usar o óleo de coco ao invés do  azeite na hora de fazer os ovos mexidos.
É uma sugestão que além de super saudável e nutritiva, rica em gorduras boas, é ótima opção para dar sensação de mais saciedade  e evitar “aquelas beliscadas” durante o dia, sabe? 😉


5. Abacate picado em cubinhos + cebola picadinha + tomatinhos picadinhos + fio de azeite
+ gotinhas de limão + sal e pimenta à gosto.


TAPIOCAS DOCES

1. Banana + aveia + canela + açúcar de coco ou melado (opcional)

*para quem quiser requintar ainda mais essa sugestão, a dica é:
em uma frigideira, coloque um fiozinho de óleo de coco. Acrescente as bananas picadas ao meio (cortadas na vertical) ou em rodelinhas. Deixe aquecer a banana um pouco – como se fosse fosse grelhar, dos dois lados. Depois, recheie a tapioca acrescentando a aveia, chia, granola, canela, melado…enfim! Fica uma de-lí-cia!

2. Morangos + mussarela de búfala + mel ou açúcar de coco ou mascavo (opcional)

3. Abacate amassadinho + banana amassadinha + chia
praticamente uma “manteiga” vegana – super nutritiva e que fica muito gostoso!
p.s: pra quem gosta de abacate, claro 🙂

4. A famosa combinação  mussarela de búfala + geleia de frutas vermelhas sem açúcar (ou qualquer outra geleia, claro!)
para os mais “fitness”

5. Queijo (qualquer um) + goiabada ou geleia de goiaba
o famoso Romeu e Julieta pra quem quiser se permitir a um docinho, no meio da tarde, por exemplo.

6. Queijo + doce de abóbora ou doce de leite
para os doceiros de plantão!

Estes ingredientes (praticamente todos) você encontra aqui : nos itens da ROÇA, MERCEARIA , OVOSLATICÍNIOS. Faça sua encomenda e pronto!

Lanchinhos práticos e nutritivos sempre à mão 😉

Ah, e se você fizer aquela tapioca caprichada, compartilha com a gente em nossas redes sociais, marcando o nosso insta @aboaterra ou usando a #aboaterra #queromaisdissonomundo.
A gente vai adorar !!

Cozinhando em casa!

Quer cozinhar,

mas não sabe por onde começar?
Então, aproveita essa dica  que “já tá na mão” 😉

Nosso livro O Universo na Panela, reúne mais de 300 receitas super práticas e gostosas para o seu dia a dia.

Inspiradas na agricultura orgânica e na sazonalidade que existe em cada cultivo, você irá encontrar receitas variadas usando o mesmo ingrediente principal de maneira diversificada.
Por exemplo: é tempo de abobrinha?  Então, que tal variar a maneira com que a gente prepara e sair da mesmice?


“Os agricultores orgânicos, grupo do qual Tini orgulhosamente faz parte, são os verdadeiros heróis do nosso tempo.
Tendo contra si forças econômicas poderosas, eles defendem seus territórios (e nossos pratos) dos produtos que envenenam a terra, as águas e os alimentos. É um desafio gigantesco, que se renova a cada dia. Ainda assim, Tini resolve ir além. Com este livro, (…) além de presentear os leitores com mais de 300 receitas culinárias, Tini reparte generosamente suas reflexões, memórias e textos selecionados de outros autores sobre o trabalho no campo,a convivência familiar, a sabedoria da natureza e a essência da vida que se manifesta nas pequenas coisas do cotidiano. 


Em um momento de grande inspiração, Tini define-se : “Sou da Terra”. A verdade é que todos nós somos. Obrigada por nos lembrar disso.”

– prefácio do livro O Universo na Panela,
por Cláudia Visoni – 

 

Tini , nossa fundadora e pioneira.                            Foi pensando na famosa frase de William Blake, “ver um mundo num grão de areia e o céu numa flor silvestre …” que nasceu o título deste livro, O universo na panela.

“Como dona de casa, tinha necessidade de ter à disposição uma série de receitas práticas para variar no dia-a-dia o cardápio de hortaliças orgânicas e saber os benefícios de cada uma das verduras. Como amante da natureza e por meu vínculo rural-agrícola , sentia uma profunda necessidade de partilhar experiências, visões e uma admiração pela terra e aos que trabalham nela. Destes anseios, nasceu este livro.”


O primeiro objetivo é facilitar a escolha diária do cardápio quanto ao preparo das hortaliças que, a cada dia, ganham em importância. Há pouco tempo, falava-se delas somente como rica fonte de vitaminas e sais minerais indispensáveis para o nosso corpo. Agora, a cada dia, são descobertos novos fitoquímicos contidos nelas, estimados em número de 10 mil! As hortaliças, com destaque para as orgânicas, são verdadeiros guardiões da nossa saúde. Sobressaem-se ainda por suas baixas calorias. Nada melhor para prevenir e corrigir a obesidade, que hoje é uma das maiores ameaças à nossa saúde, a começar pelas crianças!

Ao mesmo tempo, o livro propõe-se a contribuir para um consumo consciente. O que escolhemos para comer traz consequências para nossa própria saúde e para a do trabalhador rural e tem seu impacto na saúde do planeta e nas relações de poder na sociedade que vivemos. Neste sentido, e também para viver intensamente enquanto se cozinha, por todo o livro encontrar-se-ão crônicas, versos e pensamentos para alimentar o espírito, pois Cristo já dizia : “Não só de pão vive o homem”.

Ao final, há uma série de informações objetivas sobre  a diferença entre orgânicos, hidropônicos e transgênicos.

Ficarei feliz se o livro contribuir para redescobrir, na era do ‘fast food’, o prazer de preparar os alimentos e de perceber a refeição como momento de confraternização entre familiares e amigos como dádiva do universo.”

Tini Schoenmaker Stoltenborg

“Cebolas, elas já as havia cortado centenas de vezes para cozinhar. Para ela cebolas eram comestíveis. Mas, num dia como qualquer outro, ao olhar para a cebola que acabara de cortar, ela não viu a cebola: viu um vitral de catedral, milhares de minúsculos vidros brancos, estruturadas em círculos concêntricos, onde a luz se refletia [… ] ” – Rubem Alves

Gostou?

  

Encomende o seu livro “O Universo na Panela”

e receba junto com seus orgânicos da semana !


CLIQUE AQUI

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pra se mexer!


“O estilo de vida é a nossa maior medicina”.

Quantas vezes a gente já não ouviu que o segredo para uma vida longa e cheia de saúde é preciso:

-Comer bem

-Dormir o tempo suficiente para descansar o corpo e a mente

-Beber água

e…

Se mexer!

Está precisando de um empurrãozinho pra começar?

Dá uma espiadinha no que a gente separou pra você 😉

Exercícios simples pra fazer no parque,  em casa,
ou em qualquer cantinho que você tiver.

Vale botar um tênis no pé ou ficar descalço na grama do parque, do condomínio do prédio,
do quintal de casa, no clube… ou naquele cantinho que você arrasta os móveis da sala e pronto


1.A simples e eficiente

CAMINHADA

pra quem tem mais espaço, uma caminhada é uma ótima opção não só para movimentar o corpo, a nossa circulação sanguínea, mas também há quem diga que é um ótimo aliado “para colocar os pensamentos em ordem.” Quanto mais caminhamos, vamos oxigenando nosso cérebro, ao mesmo tempo que vamos organizando nosso estado mental. Legal, né? Então, uma simples caminhada vale até pra “digerir pensamentos” – e calorias, pra quem deseja também, é claro 😉

2.Para quem já quer um pouco mais de velocidade,

CORRIDA

muitas pessoas que sonharam correr quilômetros de distância já fizeram algo parecido. Um treino que vale para começar a ganhar mais fôlego e ritmo.  A dica é: correr 1 min – descansar 30’ seg. Ou, pra ser mais simples ainda: correr 30’ seg, andar 30’. A quantidade não importa! O importante é ir intercalando momentos de corrida com caminhada, se observar e ir no seu limite. Para quem não gosta de se apegar ao relógio, vale fazer suas marcações de espaço. Por exemplo: Correr até uma esquina, ir andando até a outra. Ou, correr até aquela árvore, ir andando até a outra, depois volta correndo de novo. E assim vai. Aos poucos seu pique e disposição vão aumentando e você vai buscando cada vez mais por desafios maiores. Ah, e claro: neste momento, vale colocar aquele fone no ouvido, ouvir as músicas que dão aquele gás ou, simplesmente ouvir o vento, os passarinhos, ou o ambiente em que está. Tudo é uma questão de você observar como está o seu “mood” , o seu estado de espírito daquele dia e escolher o que vai ser melhor pra você.

3.para os dias de chuva ou para fazer em qualquer lugar

PULAR CORDA, SUBIR E DESCER ESCADAS
FAZER POLICHINELOS, DANÇAR

sempre são ótimas pedidas!
Afinal…quem não sabe se mexer para dar uns pulinhos ou dançar ao som de uma música a sua maneira?

Pois é…
Tudo vale!
O importante é se mexer!!

Lanchinhos  práticos pra não perder a energia

Pra deixar na mochila, na bolsa ou no carro.  Assim, quando bater aquela fominha,
ou precisar de alguma coisa  para não perder o pique e ir se mexer…

A gente listou algumas opções aqui pra você escolher a-go-ra:

 

Barrinhas de cereais
aqui no sítio, você vai encontrar as barrinhas da BIO2.
você sabia, que a BIO2 foi a primeira marca a ter uma  linha de barras cereais orgânicas certificadas do Brasil, com mais de 10 anos de experiência? Com ingredientes naturais e sem química nenhuma. Por isso, somos parceiros e escolhemos BIO2 pra ter aqui pra vocês 😉

Bananinha passa
orgânicas, sem adição de açúcares e sem químicas também, Do Pé ao Pote já teve inclusive uma linha que incluiu a banana verde em sua composição. Legal demais, né?


Suco Verde
orgânico, sem açúcares, corantes nem conservantes, feito aqui no sítio!

esse, você só encontra aqui, né?


Frutas
orgânicas e da estação. Cada época tem as suas queridinhas e as que são mais fáceis de levar pra lá e pra cá. Em último caso, colocar em potinhos também vale e facilita super!

Cookies integrais
orgânicos e sem químicas também, Mãe Terra sempre inovando, agora traz os cookies em formato mini: assim a gente pode colocar um inteirinho na boca pra se deliciar ou… para aqueles que não querem exagerar na dose, os cookies agora ficaram minis!

Gostou?

Marque a gente em seus momentos de lanchinhos do dia ou de dar aquela mexida no esqueleto @aboaterra no instagram ou #aboaterra #queromaisdissonomundo.

A gente vai adorar vocês esbanjando “saúde pra vocês e vida para o planeta!”

 

 

“Um dia de sítio” – entrega da Campanha de Natal 2016

Lembram da  nossa “ Campanha de Natal: um dia de sítio”?

No final de 2016, muitos de vocês fizeram doações que puderam ser revertidas para este mini projeto que foi realizado na semana passada, no volta às aulas!

Recebemos aqui, todos os alunos da escola pública E.E.Bairro Nossa Senhora Aparecida, de Itobi –  cidade vizinha do sítio – pra passar um dia cheio de saúde e muita natureza, na nossa roça.

 

Foram 110 crianças em 4 dias de muita natureza, agricultura orgânica, comida de verdade e muitas brincadeiras.

Para começar o dia, aquele “bom dia” e “boas vindas”…
Depois de todos acolhidos na roda, é hora de começar as brincadeiras e colocar o corpo pra se mexer!!

A brincadeira da vez foi “Os quatro elementos”.

Quais os elementos necessários para a nossa vida, aqui na Terra?

ÁGUA – FOGO – TERRA – AR

Uma brincadeira bem simples, de corre-corre no gramado mas que super estimula não só a atividade física, o mexer o corpo da meninada, mas também a refletir de maneira bem sutil “que estes elementos são parte da natureza e que precisamos deles para viver.”

Depois dessa brincadeira, uma outra! (porquê não? ) 😉
Ou melhor, uma dança de roda!
A tradicional Dança da Mãe Terra que temos o costume de fazer com todos os grupos que vem visitar o sítio.

“Mãe meus pés sentem o seu ser,
sinto o seu coração bater!
heia heia heia heia heia heioou
heia heia heia heia heeeiiiiooou

Terra meu corpo,
água meu sangue
ar meu sopro 
e fogo meu espírito!
heia heia heia heia heia heioou
heia heia heia heia heeeiiiiooou “

Uma linda dança indígena, originária dos índios norte-americanos que tem bem forte a batida do tambor em sua melodia. Nos fazendo sentir os pés firmes no chão, batendo no mesmo ritmo como se fosse a batida do nosso coração. Em conexão e gratidão pela terra e em reconhecimento pelo alimento, pela vida que ela nos dá!

 

Depois, partimos para o passeio pela roça orgânica aqui do sítio. Fomos

conhecer mais de pertinho ‘de onde vem o nosso alimento’, em uma escala um pouco maior do que poderíamos ver em uma horta, em um quintal , por exemplo. Reconhecendo o que estava plantado em cada canteiro, degustando e sentindo o perfume de algumas delas como foi o caso da cebolinha, da couve, do espinafre… todos direto do canteiro. E por fim, fizemos uma bela de uma colheita de alfaces orgânicas.

 

 

 

 

Levamos para lavar nas bacias de água e finalizamos comendo  com o nosso lanche, que foi preparado com muito capricho pela Eliana, nossa cozinheira de mão cheia!

 

Nosso lanche foi orgânico e bem gostoso: sanduíche de pão integral ou de pão de mandioca com requeijão, alface e tomate.

Bolo de fubá com laranja. Suco de pêssego. E maçã.

 

 

 

 

Depois de lanchar, foi hora de visitar o nosso depósito de materiais para reciclagem e observar como são preparadas as cestas orgânicas que saem do sítio e vão para a casa de muitas pessoas: em São Paulo, Ribeirão Preto e cidades vizinhas 🙂

Para continuar o passeio do dia, caminhamos até a nossa hortinha do Centro de Ecologia. Sentimos o cheiro, as texturas  e como é a produção de alimentos em uma pequena escala. Nessa hora, o mais legal é ver que não precisamos de espaços tão grandes, como uma roça, um sítio ou uma fazenda. Dá para plantar comida em todo lugar!!

 

 

 

O que é preciso mesmo é vontade e se dedicar a cuidar. Por isso,  cada criança experimentou um pouquinho das atividades práticas de que uma horta precisa:  regar e capinar. E por fim, para finalizar as atividades na horta, plantamos em dois vasos, dois tomateiros para cada sala levar para a escola e cuidarem juntos, verem o crescimento juntos, e observarem “a mágica” que é ver crescer um tomate: um alimento que a gente plantou! A ideia, além de tudo,  é multiplicar um pouquinho do que viveram aqui só que agora, lá na escola.

 

 

 

 

Depois de muito passeio e muitas atividades, encerramos o dia com uma caminhada de observação e de sentidos, em nossa Reserva Natural.
Explorando o contato, os sentidos, os cheiros… o estar presente, aqui , agora. Ouvindo os sons da natureza, se sentindo parte dela.

 

 Agradecemos à todos vocês que contribuíram com essa Campanha  e foram sementinhas

para um despertar de tantas crianças para a beleza, para a saúde e para um contato mais próximo com a natureza!

 

 

E claro, queremos deixar um agradecimento especial, mais uma vez, para todos os doadores:


Michela Aimar, Leica Kawasaki,  Nelza Shimidzu, Patrícia Dini , Mônica Abreu,  Carla Capucho, Claudio Lorenzzeti, Janalice de Jesus, Valdelis Okamoto, Afra Balazina, Erika Ramos, Monica Hosaka, Bettina Martins Castro, Ana Paula Figueiredo, Andrea Ferreira, Guilherme da Nobrega, Daniela Kappel, Daniela Strozi, Claudio Lorenzetti, Ana Luisa Seelaender, Ana Maria Baptista, Rosana De Filippi,  Monica do Nascimento, Fernanda Tomé Sturzbecher, Frans Schoenmaker, Marta Schoenmaker, Ingrid Schoenmaker, Julio Benedito, Nicolette Stoltenborg, Carlos Dias, Liliane Brambilla, Carolina Maneta,  Paulo Benedito, Adriana Pereira, Eduardo Francisco Claudio, Adriana Pereira, Gabriela Viudes, Larissa Mazza, Nelson, Adalberto,Mauricio Ajzenberg, Alice Dias Garcia, Ana Cristina Napolitano, Carolina Atalla, Lourdes de Castro, Hilda Caritá, Tamara Barile, Adriana Sanches, Janaina Iacomo, Terezinha Antonieta Pereira, Maria Froes, Ria Schonemaker, Petronela, Paula Benedito, Claudia Rodrigues, Elisa Correa, Cristina Penteado, Ellaine Antonio, José Neto, Neide Vieira, José Fernando, Maristela Albejante, Adalberto, Ludymila Terra, Maria de Lourdes Campos, Renata Debiazzi, Violeta e Renata Mangini.

 

 

Foi mesmo muito especial!

GRATIDÃO.

 

 

 

 

Gratidão!

 

Conseguimos! \o/

 

 

“A Campanha de Natal: um dia de sítio” está prontinha para ser entregue para todas as crianças da Escola Nossa Senhora Aparecida , de Itobi – interior de SP ! (a cidadezinha vizinha aqui do sítio).
Como a gente contou no post anterior, todo ano aqui no sítio a gente também faz a nossa campanha de Natal. A gente acredita que essas campanhas vem para espalhar ainda mais esse sentimento bom de saúde, de vida nova,  de abundância e prosperidade para o  novo ano que se inicia.

 

É um jeito gostoso de multiplicar esse “tudo de bom” que a gente tanto deseja!

 

E foi com este sentimento no coração, que escolhemos para a nossa Campanha de Natal, algo que alimentasse não só o corpo, mas também a alma, os sentimentos positivos delas, que são as nossas sementinhas do amanhã: as crianças.
Por isso, queremos registrar aqui a nossa GRATIDÃO à todos vocês que presentearam cada uma das 120 crianças da Escola Nossa Senhora Aparecida. E que presente!
Michela Aimar, Leica Kawasaki,  Nelza Shimidzu, Patrícia Dini , Mônica Abreu,  Carla Capucho, Claudio Lorenzzeti, Janalice de Jesus, Valdelis Okamoto, Afra Balazina, Erika Ramos, Monica Hosaka, Bettina Martins Castro, Ana Paula Figueiredo, Andrea Ferreira, Guilherme da Nobrega, Daniela Kappel, Daniela Strozi, Claudio Lorenzetti, Ana Luisa Seelaender, Ana Maria Baptista, Rosana De Filippi,  Monica do Nascimento, Fernanda Tomé Sturzbecher, Frans Schoenmaker, Marta Schoenmaker, Ingrid Schoenmaker, Julio Benedito, Nicolette Stoltenborg, Carlos Dias, Liliane Brambilla, Carolina Maneta,  Paulo Benedito, Adriana Pereira, Eduardo Francisco Claudio, Adriana Pereira, Gabriela Viudes, Larissa Mazza, Nelson, Adalberto,Mauricio Ajzenberg, Alice Dias Garcia, Ana Cristina Napolitano, Carolina Atalla, Lourdes de Castro, Hilda Caritá, Tamara Barile, Adriana Sanches, Janaina Iacomo, Terezinha Antonieta Pereira, Maria Froes, Ria Schonemaker, Petronela, Paula Benedito, Claudia Rodrigues, Elisa Correa, Cristina Penteado, Ellaine Antonio, José Neto, Neide Vieira, José Fernando, Maristela Albejante, Adalberto, Ludymila Terra, Maria de Lourdes Campos, Renata Debiazzi, Violeta, Renata Mangini.

 

 

Graças à vocês, na volta às aulas, as eco educadoras Kátia e Viviane, do nosso Centro de Ecologia, vão transformar estas doações em um dia de muita saúde e muita natureza.

 

“Se as crianças não tiverem contato com a natureza desde pequenas,
depois não saberão cuidar do verde,  pois é preciso construir o sentimento de pertencimento.”

– Richard Louv –

 

Richard Louv, o estudioso americano que cunhou o termo “transtorno de déficit de natureza” para chamar a atenção aos problemas físicos e mentais derivados de uma vida desconectada do mundo natural,  mostra em suas pesquisas que qualquer ser humano, especialmente na infância, precisa de contato com a natureza para se desenvolver e ter uma vida saudável. Louv, no seu livro A última criança na natureza, demonstra que crianças em contato com o verde melhoram o desempenho na escola e podem até reduzir sintomas de Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade.

 

Ricardo Cardim, criador do projeto Floresta de Bolso, também acredita que muitas crianças ouvem falar em meio ambiente, mas não têm a chance de colocar a mão na massa. “Nós, seres humanos, ficamos 300 mil anos em contato com a natureza. Nos últimos 40 anos, fomos morar na cidade. É tudo muito recente. Sentimos falta disso. A reconexão é fundamental para entendermos nosso ciclo natural”

Fonte: Projeto Criança e Natureza Instituto Alana

 

Por isso, a intenção da nossa Campanha que vai se concretizar agora, no volta às aulas,  é re aproximar as crianças da comida de verdade. Ver de pertinho de onde vem o nosso alimento, passeando e fazendo atividades em nossa roça orgânica, conhecendo os produtores, ouvindo suas histórias e sentindo a terra. Plantando, colhendo e comendo direto do pé. E para finalizar o dia, um passeio em nossa Reserva Natural estimulando os sentidos e percebendo cada vez mais o quanto estamos conectados com todas as formas de vida que existem no planeta. Ou, em outras palavras: tocando o coração de cada criança para sentir cada vez mais o quanto fazemos parte da natureza e quanto ela  faz parte de nós.

 

E essa  re conexão é o diríamos, “o primeiro passo” para uma cultura de cuidado.
Cuidado com a nossa saúde e da saúde do planeta!

 

Ficou com vontade de conhecer mais sobre o que fazemos por aqui
através do nosso Centro de Ecologia?  Veja AQUI!

Campanha de Natal


Todo ano, aqui no sítio, a gente também faz a nossa campanha de Natal. A gente acredita que essas campanhas servem para  espalhar ainda mais esse sentimento bom de saúde, de vida nova,  de abundância e prosperidade para um novo ano que se aproxima.

É um jeito gostoso de multiplicar!

Se a gente parar pra pensar, todo mundo tem alguma coisa bem boa que aconteceu neste ano que já vai chegando ao fim… Que seja uma mudança no trabalho, um sobrinho novo na família, a conclusão de um curso, ou simplesmente comemorar por ter tido menos resfriados. Pode ser ter conhecido um lugar diferente, ter conseguido encontrar aquele amigo que há anos não se viam, ou simplesmente ter comido muita comida gostosa durante o ano.

Pode ser ter conseguido terminar um livro, ou ter comemorado ao receber uma boa notícia! Pode ser ter ganhado flores, saber que seria pai ou mãe pela primeira vez ou, simplesmente perceber que apesar de ter muitas coisas que se quer mudar , você está de pé, com saúde e um corpo inteirinho pra te levar para o rumo que você quiser dar na sua vida!

Ao relembrar essas coisas gostosas que aconteceram nesse ano, a gente percebe que dentro da gente vai surgindo um sentimento de gratidão. Por mais que ainda existam tantos desejos a serem realizados, quando paramos para olhar a lista de coisas boas que já aconteceram… o coração abre um sorriso pra gente. E a vida, apesar de mostrar desafios, nos faz sentir que ainda tem muita coisa boa pela frente.

E foi com este sentimento no coração, que escolhemos para a nossa Campanha de Natal, algo que alimentasse não só o corpo, mas também a alma, a memória, as boas lembranças delas, que são as nossas sementinhas do amanhã: as crianças!

 

Campanha de Natal

Para um mundo com mais criança e natureza!
Aqui você pode fazer a diferença e alimentar o coração e a saúde de muitas crianças  🙂

 

A campanha:

Inspirada na alfabetização ecológica e na agricultura orgânica, a ideia é mostrar ao vivo de onde vem o nosso alimento e aproximar as crianças do que é comida de verdade!
Conhecendo tudo isso na prática, de maneira divertida, passeando pela nossa roça orgânica e pela Reserva Natural do sítio.

 

Quando? 
A campanha vai até 24/12 mas será na volta às aulas, que nossas eco educadoras irão receber a criançada da escola pública “N. Senhora Aparecida”, de Itobi-SP, para um dia cheio de saúde e muita natureza!

 

Como faço pra doar?

  1. clique aqui 🙂
  2. escolha quantas crianças quer presentear
  3. clique no carrinho e pronto!
  4. faça um rápido cadastro colocando os seus dados mas UTILIZANDO O CEP 12345000*
  5. dá para escolher doar com cartão de crédito ou débito*Fizemos este CEP especial para que todas as pessoas, de qualquer lugar do mundo possam doar – já que nosso site aceita somente cadastros de endereços de regiões que atendemos. Mas, se você já é um cliente A BOA TERRA, é só incluir na sua encomenda da semana, que dá na mesma !

Mande um whatsapp ou ligue pra gente 19 99199-4337
para qualquer dúvida 😉

Mais do que um presente passageiro, um dia que ficará guardado para sempre 🙂
A gente só agradece !!
#aboaterra #campanhadenatal #queromaisdissonomundo